Itauçu

A primeira penetração nas terras de Itauçu deu-se com a passagem do bandeirante Manoel Correia e mais tarde Bartolomeu Bueno, o pai. O começo da povoação teve origem com a abertura do caminho, ligando a sede da Capitânia de Goiás ao sul do país, no início do século XIX.
Região fértil e dotada de boas pastagens, além de bem servida por cursos d'água, tornou-se, já neste século, ponto obrigatório e base de estacionamento de tropeiros e boiadas, em trânsito entre o sul e centro do Estado.
Um rancho com curral e pasto fechado para guarda de animais foi o marco do lugarejo. Mais tarde, construíram-se uma casa comercial e uma capela atraindo grande número de fiéis que, aos poucos foram construindo suas moradias até formar o povoado, cujo nome primitivo foi "Catingueiro Grande', em virtude da existência de grande quantidade de veados "catingueiros" nas cercanias.
O fundador da povoação foi o Cel. Ernesto Batista de Magalhães, cuja atuação intensificou-se a partir de 1912.
Em 31 de dezembro de 1936, pela divisão administrativa do Estado, o povoado foi elevado à distrito, passando a denominar-se "Cruzeiro do Sul", devido à fácil localização, em seu céu azul límpido, da constelação do mesmo nome, integrando o Município de Itaberaí.
Pelo Decreto-Lei nº 8305, de 31 de dezembro de 1943, recebeu o novo topônimo de "ITAUÇU', de origem tupi, significando 'pedra dura' (ita+uçu), desconhecendo-se o motivo dessa escolha toponímica.


Gentílico: Itauçuense

Formação Administrativa
Em divisões territoriais datadas 31-XII-1936 E 31-XII-1937, o distrito de Cruzeiro do Sul ex-povoado de Catingueiro Grande, figura no município de Itaberaí.
No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o distrito de Cruzeiro do Sul permanece no município de Itaberaí.
Pelo decreto-lei estadual nº 8305, de 31-12-1943, o distrito de Cruzeiro do Sul passou a denominar-se Itauçu.
Elevado à categoria de município com a denominação de Itauçu, pela lei estadual nº 175, de 11-10-1948, desmembrado de Itaberaí. Sede no antigo distrito de Itauçu ex­povoado de Salebro. Constituído do distrito sede. Instalado em 01-01-1949.
Pela lei municipal nº 14, de 31-12-1953, é criado o distrito de Araçu ex-povoado e anexado ao município de Itauçu.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1955, o município é constituído de 2 distritos: Itauçu e Araçu.
Pela lei estadual nº 2106, de 14-11-1958, desmembra do município de Itauçu o distrito de Araçu. Elevado à categoria de município.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do distrito sede.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Alteração Toponímica distrital
Cruzeiro do Sul para Itauçu alterado, pelo decreto-lei estadual nº 8305 de 31-12-1943.

Municípios Goianos