Itajá

O povoamento de Itajá iniciou-se em 1947, com a formação da fazenda Coqueiros, às margens do Ribeirão São João, por Sebastião Alexandre de Freitas, vindo de Campina Verde  Minas Gerais.
As primeiras construções, na beira da estrada Aporé/Itarumã/Lagoa Santa, constituiram-se de um armazém e uma farmácia, do pioneiro. Esse ponto comercial, aliado à facilidade de aquisição de terras férteis, atraiu para a região numerosas famílias que ali construiram casebres de pau-a-pique, cobertos de palha, formando o arruamento e traçado do povoado que se denominou São João, em decorrência do ribeirão local.
Pelo progresso alcançado, em 7 de agosto de 1953, pela Lei nº 172, o povoado passou a distrito, pertencente a Jataí.
Pela Lei Estadual nº 2091, de 14 de novembro de 1958, o Distrito de São João foi elevado à categoria de município, dando-se a instalação em 1º de janeiro de 1959, com o topônimo Itajá, que representa uma inversão de Jataí, em homenagem à cidade-mãe da qual se emancipou.


Gentílico: Itajaense

Formação Administrativa
Distrito criado com a denominação de São João ex-povoado, pela lei municipal nº 173, de 07-08-1953, subordinado ao município de Jataí.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1955, o distrito de São João, figura no município de Jataí.
Elevado à categoria de município com a denominação de Itajá, pela lei estadual nº 2091, de 14-11-1958, desmembrado de Jataí. Sede no antigo distrito de São João ex­povoado. Constituído do distrito sede. Instalado em 01-01-1959.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do distrito sede.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1983.
Pela lei estadual nº 10446, de 14-01-1988, é criado o distrito de Termas de Itajá e anexado ao município de Itajá.
Em divisão territorial datada de 1-VI-1995, o município é constituído de 2 distritos: Itajá e Termas de Itajá.
Pela lei estadual nº 13134, de 21-07-1998, alterada em seus limites pela lei estadual nº 13241, de 28-12-1998, desmembra do município de Itajá o distrito de Termas de Itajá. Elevado à categoria de município com a denominação de Lagoa Santa.
Em divisão territorial datada de 2003, o município é constituído do distrito sede.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.
Alteração toponímica distrital
São João para Itajá, alterado pela lei estadual nº 2091, de 14-11-1958.

No Censo de 2007, foram recenseados 5409 habitantes, sendo 2706 homens e 2703 mulheres; deste total, 3750 habitantes residem na zona urbana e 1659 moram na zona rural. Do total de 3750 habitantes moradores na zona urbana, 1809 são homens e 1941 são mulheres. Do total de 1659 moradores na zona rural, 897 são homens e 762 são mulheres. O município possui uma área de 2081,1 Km quadrados e pertence a Mesorregião Sul Goiano e Microrregião do Quirinópolis.
Sua sede tem as seguintes coordenadas geográficas: 51,544° de Longitude e 19,067° de Latitude.
O município faz aniversário e 14 de novembro.

Municípios Goianos