Gameleira de Goiás

Os gameleirenses sempre foram movidos pela fé, prova disto é sua própria origem. Segundo seu próprio povo, tudo começou devido grande seca que estava ocorrendo na região por volta de 1963, então resolveram fazer uma novena num morro (saída para Anápolis), onde havia um cruzeiro. Conta-se que nem terminaram a novena e já estava chovendo, deixando assim felizes, pois tinham certeza que o pão de cada dia estava garantido. Apesar de ter atingido a graça não pararam de se reunir para rezar, mas devido o sol e a distância, resolveram rezar embaixo de uma árvore chamada gameleira, onde havia uma encruzilhada, isto é, sete estradas. A árvore era o ponto de referência para as rezas e por causa disto o lugar recebeu este nome. A fé levou as pessoas a se reunirem para construírem uma igreja. De imediato pensaram em construir no morro, mas chegaram à conclusão que no plano, perto da árvore, seria melhor. A ideia da construção estava lançada, mas tinha uma dúvida, como conseguir o material, pois todos eram pobres e não possuíam dinheiro para dispor. Não desanimaram e resolveram fazer leilões com o que tinham de sobra, para assim realizarem seu objetivo. Os leilões eram feitos na Gameleira e na fazenda do Senhor Benzoca. O terreno para a construção da igreja foi doação do Senhor Floro Rodrigues. Enquanto foram sendo realizadas as rezas e leilões o Senhor Sebastião Lemes resolveu montar um comércio que ficava perto da árvore. Com o dinheiro arrecadado começaram a construção da igreja, a princípio bem rústica, sem pintura e no contra piso. No dia 27 de agosto de 1967, foi realizado o primeiro jogo de futebol e a primeira festa, o primeiro festeiro foi o Senhor Benedito Rozendo, já na nova capela. A imagem de Nossa Senhora Aparecida foi doada pela Senhora Ildebranda (Dona Negrinha) e a de São Sebastião pelo Senhor Orozino.

 

Gentílico: Gameleirense

 

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Gameleira de Goiás, pela Lei Estadual n.º 10.508, de 11-05-1988, subordinado ao município de Silvânia.
Em divisão territorial datada de 1995, o distrito figura no município de Silvânia.
Elevado à categoria de município com a denominação de Gameleira de Goiás, pela Lei Estadual n.º 13.417, de 28-12-1998, desmembrado de Silvânia. Sede no atual distrito de Gameleira. Constituído do distrito sede. Instalado em 01-01-2001.
Em divisão territorial datada de 2003, o município é constituído do distrito sede.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Municípios Goianos