Caldas Novas

A região de Cristalina há mais de 100 anos foi desbravada por bandeirantes, em busca do ouro, sendo entretanto encontrada grande quantidade de cristal. Não lhe deram valor algum até que, por volta de 1879, dois franceses, Etiene Lopes e Leon Labousiere, adquiriram uma pequena porção do minério, negociando-o em Paris. A notícia tomou vulto e, por volta de 1880, os mesmos fizeram transações avultadas obtendo lucros compensadores. Porém o comércio do cristal caiu e esses senhores desistiram, já em 1882.
Pouco depois chegou Emílio Levy. Barganhando tecidos por cristal, começou novamente a intensificar o ramo. Afluindo gente dos rincões vizinhos, deu-se o início das construções de pau-a-pique. Emílio foi o primeiro a construir uma pequena casa mais sólida e que marcou, definitivamente, o início da povoação.

 

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Caldas Novas pela Lei Provincial n.º 6, de 05-10-1857, subordinado ao município de Morrinhos.
Elevado à categoria de município com a denominação de Caldas Novas pela Lei Estadual n.º 393, de 05-07-1911, sendo desmembrado de Morrinhos. Sede no atual distrito de Caldas Novas. Constituído do distrito sede. Instalado em 21-10-1911.
Pela Lei Municipal n.º 44, de 13-11-1916, é criado o distrito de Boa Vista do Marzagão e anexado ao município de Caldas Novas.
Nos quadros do Recenseamento Geral de 1-IX-1920 o município é constituído de 2 distritos: Caldas Novas e Boa Vista do Marzagão.
Elevado à condição de cidade com a denominação de Caldas Novas pela Lei Estadual n.º 724, de 21-06-1923.
Em divisão administrativa referente ao ano de 1933 o município é constituído de 2 distritos: Caldas Novas e Boa Vista do Marzagão.
Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937 o município aparece constituído de 3 distritos: Caldas Novas, Boa Vista do Marzagão e São Sebastião do Sapé.
Pelo Decreto-lei Estadual n.º 557, de 30-03-1938, o distrito de Boa Vista do Marzagão teve sua denominação simplificada para Marzagão.
Pelo Decreto-lei Estadual n.º 1.233, de 31-10-1938, o distrito de Sapé foi extinto, sendo seu território anexado ao distrito sede do município de Caldas Novas.
No quadro fixado para vigorar no período de 1939 a 1943 o município é constituído de 2 distritos: Caldas Novas e Marzagão.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1950 o município é constituído do distrito sede.
Pela Lei Municipal n.º 76, de 23-04-1952, é criado o distrito de Água Limpa e anexado ao município de Caldas Novas.
A Lei Estadual n.º 336, de 18-06-1949, a Lei Estadual n.º 954, de 13-11-1953, complementada pela Lei Estadual n.º 1.274, de 14-11-1953, desmembram do município de Caldas Novas os distritos de Marzagão e Água Limpa, para formarem o novo município de Marzagão.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1960 o município é constituído do distrito sede. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2014.

Municípios Goianos